domingo, 13 de fevereiro de 2011

Pontos finais.


Adoro pontos finais. Me dá liberdade para uma nova frase, longa, cheia de nuances. O ponto final trás sempre uma promessa de novidade.
Meus amigos tem outras preferências, a Puget adora vírgulas e suas pausas, o Gabo gosta de reticências...
Eu continuo gostando dos pontos finais. Claro que intercalados com vírgulas, reticências e pontos de exclamação! Adoro pontos de exclamação!
Dão um tom festivo, surpreendente!
Acho bom misturar tudo e através de pausas, silêncios, vazios e imaginação, finalizar subitamente. Ponto Final.
Aí a gente respira fundo, prende a respiração e lentamente... começa tudo de novo.